sábado, 27 de dezembro de 2008

Lágrima


A lagrima que cai
Com tamanha dificuldade
Já se seca antes de cruzar a face
Não escorre nem goteja
Não molha nem semeia
A lagrima que cai
Cai sozinha sem par
Vem sem querer
Sem esperar
Já não revela dor
É saudade de amor
A lagrima que cai
Não cai por você
Cai por alguém a esperar
A lagrima que cai
Já não cai de solidão
Cai de medo sem razão
Cai tão fraca e evapora
Antes de molhar o chão
A lagrima que cai já caiu sem motivo
No choro e no forte sorriso
No filme da televisão
A lagrima que cai
Não tem fonte salgada
Hoje é doce e pacata
Cada vez mais fraca
Culpa das marcas
Cansou-se de ser em vão
.
.
H.I

2 comentários:

Luíza Maria Hollanda de Mello disse...

vooooooooooooooooooooooltaaaa

luan disse...

que lindooooooooo ... !

é simples mas é chic, sofisticado, classico, estiloso, suave...

PARABENS !!!
vc merece, tem muito talento, criatividade e muito mais ... !

bjks

Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget